06Mar

Hotéis de SP têm apenas 21% das vagas preenchidas para a Copa do Mundo

Quartos vagos preocupam investidores que apostaram R$ 12 bilhões no setor

Faltando apenas quatro meses para o início da Copa do Mundo, sobram vagas nos hotéis brasileiros. Nas 25 maiores redes hoteleiras do Brasil, a média de ocupação é de apenas 40% da capacidade. Em São Paulo, até agora, foram confirmadas as reservas de apenas 21% dos quartos disponíveis na cidade.

 Os quartos vazios nos hotéis preocupam os investidores que apostaram R$ 12 bilhões no setor hoteleiro nos últimos anos para a construção de novas unidades. O objetivo era ter lotação máxima na Copa, mas faltando quatro meses para o Mundial, mais da metade dos apartamentos ainda não foi reservada.

 Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em São Paulo (ABIH), Bruno Hideo Omori, o setor perde ao focar todos os esforços em apenas um evento: “A cidade perde um mês de eventos de negócios com ocupação garantida para focar em um único evento esportivo”.

 A capital paulista conta com 43 mil quartos de hotel, a maior oferta entre as cidades sede. Justamente por isso, tem o maior percentual de unidades vazias na Copa: 80%.

A explicação pode estar nos preços nada amistosos. Em São Paulo, por exemplo, o preço médio das diárias hoje é R$ 242. Na abertura da Copa, sobe para R$ 600.  Em Fortaleza dá para se hospedar com R$ 269. O mesmo quarto no dia do jogo Brasil e México custa R$ 1859. Na capital federal, o preço hoje é de R$ 214. Quem se hospedar no dia de Brasil e Camarões, vai pagar R$ 1464. Em Cuiabá, na região do estádio, o aluguel de uma casa sai pela bagatela de R$ 200 mil. Para Bruno, o valor obedece a lei da oferta e da procura. 

FONTE: http://cmais.com.br/noticias-jornalismo/hoteis-de-sp-tem-apenas-21-das-vagas-preenchidas-para-a-copa-do-mundo

 
 

Deixe seu comentário

AGOSTO INCRÍVEL NA FRANCO & BACHOT

Associados

Selecione a cidade

Ou escolha por ordem alfabética

  • MW Way
  • Compre o Certificado Digital com desconto
  • RENT MY BRAIN
  • São Paulo é tudo de bom
  • Turismo Paulista
  • ABIH
  • UBRAFE
  • IDTCEMA